expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Alívio

 
Tenho estado um pouco ausente.. apesar do tempo. A minha vontade para escrever não tem sido a mesma, já não é mais uma necessidade desesperadora de desabafo, agora é como um suspiro de alívio, e uma introspecção acerca de tudo.
A minha vontade para escrever, já não é mais um desabafo desesperador, agora alegro-me por dizer que, escrevo quando me apetece e sobre o que me apetece.
    É como se o mundo tivesse dado uma volta de 360º graus, ou pelo menos aparenta a uma grande volta completa e radical a todos estes anos.
Já não somos as mesmas pessoas, mudámos e fizemos por isso, merecemos agora isto, esta liberdade, este grande suspiro. Já falamos e rimos das coisas passadas, que outrora eram o tema de conversa em qualquer mesa, tema de destaque na nossa mente, em qualquer situação estava presente e não nos deixava sequer respirar, criava aquele clima pesado e inoportuno.
Já pensaste que, por vezes és injusto, e que dizes muitas coisas sem pensar.

    Fico grata por já não estarmos assim, sem disputar nada, nem ninguém como seres selvagens e raivosos; sem trocarmos palavras, sem trocarmos gestos. Como se fôssemos completos estranhos, que passam na rua.
Somos agora mais sinceros, as verdades são logo ditas na hora, já não há aquela 'discriminação' ridicula, ou pelo menos não tanta, já nem a sinto.
Continua assim, o ambiente está já bem mais limpo e respirável, a nossa vida torna-se assim mais alegre e a nossa mente agradece.

Estou em completa paz de espirito, quanto a este nosso assunto. Espero que não voltemos ao zero, não faças por isso, peço-te.



C.C

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela tua visita! Responderei a todos os comentários na respectiva publicação.

C.C