expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

terça-feira, 5 de maio de 2015

mêscincodoanodoismilequinze



E de repente, estamos no mês de Maio. Estamos portanto quase quase a meio do ano, de mais um ano que passou a correr e nem demos por isso... Este ano de 2015 não está até agora a ser o mais feliz. Tenho a perfeita consciência que há sempre quem esteja pior e que supostamente as coisas não estão assim tão tão más (ainda). Mas não estão bem, e isso para mim é um problema suficientemente grande e preocupante. O pior disto tudo ainda, não é só o nosso estado no momento, o facto das coisas não estarem a correr bem agora mas no medo constante, diário de não saber com o que contar no dia seguinte. Sem saber o que esperar, fazer ou dizer. Afinal, eu pergunto-me todos os dias: como é que vai ser daqui para a frente? quais são as minhas possibilidades? ajuda !? Preciso de um mapa.. O que é que eu posso fazer para mudar de vida?

Não está a ser nem de perto nem de longe o ano que eu esperava ou desejava pelo simples facto de que esperava que algumas coisas acontecessem, seguissem o seu rumo e não é nada disso que está a acontecer, infelizmente. São coisas que eu valorizo bastante e que eu pessoalmente considero serem básicas, essenciais porque me permitem ser feliz e independente. Coisas essas que qualquer ser humano neste planeta tem direito, merece poder vivenciar para seguir com a sua vida para a frente com normalidade. 

Eu sei que a cada dia que passa, há centenas de pessoas como eu que receiam o futuro. Simplesmente não conseguem encarar o dia-a-dia, não têm forças para acordar demanhã, não têm estaleca, não têm nada simplesmente que as faça manterem-se activas, despertas durante o dia e façam algo de útil sem ficarem cansadas por tudo e por nada all freaking day long!
Há semanas que pedia uma luz ao fundo do túnel, neste momento peço algo concreto, uma saída, mesmo que temporária que me permita respirar por uns meses até surgir algo melhor.

Help! 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela tua visita! Responderei a todos os comentários na respectiva publicação.

C.C